Dê retorno

Numa reunião de avaliação de "performances de sucesso" de funcionários, fiquei impressionado ao ver que notas altas foram dadas àquelas pessoas e subordinados que têm por hábito dar retorno do que lhes é pedido antes mesmo da tarefa estar completada. Esses subordinados (até gerentes e diretores) foram muito bem avaliados à medida em que conseguem tirar a ansiedade de seus superiores ao deixá-los informados do andamento das coisas que estavam fazendo e em que etapa do trabalho se encontravam.

Ficou claro que não estávamos falando de "puxa-sacos" que ficam o tempo todo alardeando o que estão fazendo, mesmo em trabalhos de rotina. Falávamos de pessoas que valorizam a comunicação e que compreendem que a "matéria prima" mais importante de uma chefia é justamente a informação. Não há nada pior e mais fatal para um chefe do que estar desinformado do andamento de tarefas importantes de seu setor.

Verificamos também nessa avaliação que uma das coisas mais irritantes para um chefe é ter que estar a todo momento perguntando a seus subordinados como está o andamento de tal e qual projeto ou tarefa.

Esse hábito de dar retorno é ainda mais fundamental para secretárias, por exemplo. Atitudes como informar "- Aquele fax para a matriz que o senhor pediu já foi enviado e recebido...". "- Estou tentando a ligação para o diretor fulano. Ele está em reunião e ligarei daqui a dez minutos novamente...". são fundamentais.
Da mesma forma, quando se presta um favor ou se indica alguém para outra pessoa, é fundamental que a pessoa que recebeu esse favor retorne os resultados, seja para agradecer ou mesmo para dizer "- Falei com fulano e ele disse...". "- Muito obrigado. Aquela pessoa que você me indicou....".

Dar retorno é um hábito que precisamos incorporar em nosso dia-a-dia. Faça isso e você sentirá uma grande diferença em seu relacionamento com as outras pessoas e principalmente com seus superiores hierárquicos.

Luiz Almeida Marins Filho, Ph.D.

51 3036.2650

Av. Nações Unidas, 2390 - Sala 504
Bairro Centro

Novo Hamburgo / RS

© Copyrights 2018.
Todos os direitos reservados.